Avançar para o conteúdo principal

Dia Internacional das Eco-Escolas - EB 2.3

      A escola EB 2.3 de S. João da Madeira comemorou o Dia Internacional das Eco-Escolas a 21 de outubro. Assim, no intervalo da manhã, oito alunos percorreram todo o espaço exterior daquele estabelecimento de ensino, transportando a Bandeira Verde das Eco-Escolas e acompanhados de outros alunos, evocando a data que se celebrava.
      Muitos alunos, professores e assistentes operacionais traziam, nesse dia, um acessório ou peça de vestuário de cor verde, tendo aderido com entusiasmo ao convite que lhes tinha sido feito alguns dias antes.
      No polivalente da escola, foi construída uma árvore representativa das árvores autóctones onde foram colocadas pequenas folhas de sobreiro, oliveira, carvalho e castanheiro com cores outonais e com uma mensagem sobre o ambiente.

       Neste dia, e ao som da música “Não sou o único” do grupo musical Xutos e Pontapés, foi hasteada pelo nono ano consecutivo a bandeira do Clube pelo Vereador da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Paulo Cavaleiro e da Engenheira Vera Neves. Esta bandeira, atribuída pela Associação da Bandeira Azul da Europa (ABAE) foi recebida pelos alunos com entusiasmo e vivas ao ambiente.
      A obtenção desta bandeira surge pelo reconhecimento das práticas de Educação Ambiental realizadas nesta escola ao longo do ano letivo 2015/2016, da colaboração e empenho dos professores, dos alunos, dos assistentes operacionais e da Engenheira Vera Neves.


Vamos continuar a preservar o ambiente!
A coordenadora Eco-Escola
Carla Oliveira

Mensagens populares deste blogue

Cerimónia de Entrega de Diplomas

Corta Mato Escolar no Agrupamento

Alunos do 3º ciclo assistem ao espetáculo "Eça Agora!"

O espetáculo "Eça Agora!" decorreu nos Paços da Cultura no âmbito das comemorações do Mês Internacional das Bibliotecas Escolares e foi promovido pela Câmara Municipal de São João da Madeira.

            Participaram neste momento de "contação de histórias" todas as turmas do 3ºciclo, do nosso Agrupamento, as quais "viajaram" à época de Eça de Queirós e ficaram a conhecer dois dos contos do grande escritor português.       Num cenário minimalista e munidos de malas pop-ups que ilustraram partes das histórias "A Aia" e "O Tesouro", três contadores deram a conhecer a vida de Eça, fizeram rir e refletir.